Keila Lima nasceu no ABC e tem orgulho disso

A apresentadora Keila Lima está no ar de segunda à sexta, às 13h30, no programa De Bem com a Vida, na Rede Gospel de Televisão

Apresentadora relembra infância e vive até hoje na mesma casa

Ela está no ar ao vivo, de segunda à sexta, na Rede Gospel de Televisão. A apresentadora do De Bem com a Vida tem uma rotina que é pura correria e que exige responsabilidade. “Amo o que faço e, por isso, estou no ar há tantos anos. Procuro levar informação e entretenimento ao público de maneira verdadeira e completa e me realizo com a troca, quando os telespectadores interagem, opinam, é muito gratificante”, conta a jornalista. Keila atendeu com carinho a reportagem do ABC em Notícia e falou sobre a infância, sonhos e expectativas da menina que cresceu na região.

AN: Você mora no ABC desde que idade?

KL: Moro no ABC desde a barriga de minha mãe! (risos) Ela estava grávida de seis meses quando ‘nos’ mudamos para cá.

AN: Como foi sua infância em Mauá? Do que se lembra?

KL: Tive uma infância maravilhosa! Um tempo bom, onde as crianças ainda podiam brincas nas ruas! Tinha até rua de lazer aos finais de semana! Me lembro que montávamos rede na rua de casa e jogávamos vôlei, o povo andava de carrinho de rolemã. Digo o povo porque eu nunca andei! Morria de medo e só assistia!

AN: Que lugares você costuma frequentar há mais de décadas já que é moradora fiel ao ABC?

KL: Lugares tradicionais como as padarias Brasileira, Vitória Régia, Padaria MG e a churrascaria Estrela em Mauá, onde eu ia com meus pais ainda que criança. Mas tem lugares mais novos que eu amo: o Gema Restaurante, Fonte Leone. Conclusão: gosto de sair para comer! (risos)

AN: Sua mãe também gosta da região? Qual programa predileto dela?

KL: Ela ama, vive aqui desde os 13 anos de idade.

AN: Na sua opinião porque é bom morar aqui?

KL: No meu caso, especialmente porque grande parte da minha família está aqui.

AN: Cite uma curiosidade sobre o ABC…

KL: O significado da palavra Mauá, sempre me chamou atenção: é indígena, significa cidade elevada.

AN: O que vocês mais gostam de fazer nas cidades?

KL: Eu, infelizmente, agora não tenho tempo para me divertir,as gosto dos teatros que tem atraído espetáculos importantes para todas as cidades do ABCDM.

AN: E sobre a gastronomia…

KL: Ahh, alguns locais prediletos já respondi, mas tem muito mais: o Botequim Carioca, Côco Bambu Santo André, Baby Beef Jardins, Parrilla Del Carmem, Maremonti SCS, em Mauá, além da Churrascaria Estrela tem o Dom Giovanni, Forno à Lenha Pizzaria, Terumi Sushi.

AN: Claro temos que perguntar sobre dicas de moda…

KL: Eu amo sapatos de saltos altíssimos, trouxe alguns de Dallas quando voltei a morar no Brasil, mas descobri que os mais lindos são de São Bernardo, da Erica Mello Store! Vale a dica!!

AN: Você acha que morar no ABC tem gostinho de morar em SP mas meio no interior?

KL: Ahh, acho que não porque faz muito tempo que deixamos de ser ‘interior’. Nosso ABC tem vida própria e já não está mais à sombra da capital. Aqui é muito melhor!

Por Renata Rode

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*